30 de nov de 2011

Yaci Um Novo Buscador

Novo site de buscas quer tirar o poder das mãos do Google
YaCy não pretende utilizar publicidade direcionada e quer que os próprios usuários definam o que é relevante.

Um novo serviço de buscas lançado nesta semana está nascendo com um plano ambicioso: tirar das mãos do Google e o do Bing o poder sobre os resultados das buscas. Baseado numa plataforma de software livre, o YaCy não pretende utilizar publicidade direcionada, uma das maiores fontes de receita do Google.

Com isso, o visitante da rede não precisaria dispor os seus dados, deixando-o mais “livre” em relação às suas informações pessoais. O sistema de buscas será feito no estilo peer compartilhado e o site nasce com 600 operadores. A ideia é que eles criem links de relevância e, com isso, consigam personalizar o seu próprio mecanismo de busca.

O YaCy está disponível para Windows, GNU/Linux e Mac OS e, ainda em fase inicial, enfrenta problemas momentâneos devido ao grande número de acessos nos últimos dois dias.

autor: Wikerson Landim

Já vi outros buscadores tentarem o mesmo. A maioria nem existe mais. Ou tá no limbo. É melhor focar em conteúdo diferenciado e esperar o retorno. E só aí pensar em disputar com o Gigante Goooloso.

28 de nov de 2011

Apple e Sharp Juntas

Próxima geração da Apple TV pode ser produzida pela Sharp:
Além de produzir nova versão do produto, empresa japonesa pode se tornar a responsável pela fabricação dos displays utilizados nos gadgets com a marca da Maçã.

Pelo que indicam os rumores da indústria, a Apple está reforçando seus esforços para dominar o mercado das televisões inteligentes. Segundo informações publicadas pelo site Chip Chick, a companhia de Cupertino firmou uma parceria com a Sharp para construir os aparelhos programados para chegar ao mercado na metade de 2012.

A Apple investiu entre US$ 500 milhões e US$ 1 bilhão nos equipamentos utilizados pela Sharp, que além de fabricar a nova geração da Apple TV, forneceria displays para os demais equipamentos da empresa. As telas seriam equipadas com displays com a tecnologia IGZO, semelhante às telas OLED, mas com a vantagem de terem um menor preço de fabricação.

A mesma tecnologia também deverá ser usada para produzir displays para outros aparelhos da Apple, incluindo a próxima geração do iPad. A expectativa é de que, até 2015, a Apple também entre no mercado de televisões inteligentes através de um aparelho com a marca e o design próprios da companhia.

A próxima geração da Apple TV deve ter funções e interface semelhantes àquelas presentes no iPad, com a vantagem de contar com opções mais robustas para a reprodução de filmes e programas de televisão. Além de acessar a loja iTunes App através da televisão, o usuário também pode contar com a possibilidade de acessar diversos aplicativos – embora ainda não tenha ficado claro a forma de interação adotada.

autor: Felipe Gugelmin

Será que Maça demais dá indigestão??

25 de nov de 2011

Smartphones Mais Vulneráveis

Bit9 divulga os 13 smartphones mais vulneráveis de 2011:
Dispositivos com sistema operacional Android dominam a lista. Popularidade e falta de atualizações são principais responsáveis pelo interesse dos hackers.

A empresa especializa em segurança da internet Bit9 divulgou esta sexta-feira (25 de novembro) sua lista anual dos smartphones mais vulneráveis do mercado. Mais do que focar em aplicativos específicos, a empresa levou em consideração tanto a popularidade do aparelho quanto a versão do sistema operacional de cada um.

Confira abaixo a lista formulada pela empresa:

* 13 – iPhone 4 (e modelos anteriores);
* 12 – HTC Evo 4G;
* 11 – Motorola Droid 2;
* 10 – LG Optimus One;
* 9 – Motorola Droid X;
* 8 – Samsung Galaxy S;
* 7 – LG Optimus S;
* 6 – Samsung Epic 4G;
* 5 – HTC Wildfire;
* 4 – Sanyo Zio;
* 3 – Sony Ericsson Xperia X10;
* 2 – HTC Desire;
* 1 – Samsung Galaxy Mini

Android sob ameaça

O Android se destacou por ser o sistema operacional preferencial mais suscetível a ataques. Segundo a empresa, isso se deve ao fato de “56% dos telefones Android disponíveis atualmente possuem softwares desatualizados e inseguros”. Os principais culpados seriam os fabricantes, que demoram a enviar atualizações e muitas vezes preferem lançar um smartphone do que dar suporte àqueles já disponíveis no mercado.

O fato se torna muito preocupante quando se leva em conta que o sistema operacional possui a liderança no segmento de smartphones. Segundo a Google, mais de 200 milhões de dispositivos Android já foram ativados em todo o mundo. A grande diversidade de versões e a popularidade do produto são os principais responsáveis pelo interesse dos hackers em explorar suas brechas de segurança.

autor: Felipe Gugelmin

23 de nov de 2011

3G Plus Caro e Ruim

Vivo passa a oferecer internet 3G mais rápida a partir de hoje:
Plano com internet de até 6 MB e modem sai por R$ 199,90, e está disponível apenas em São Paulo.

A Vivo lança hoje, apenas na região metropolitana de São Paulo, os primeiros pacotes de internet 3G Plus, que prometem velocidades até três vezes mais rápidas que as conexões tradicionais. Por R$ 199,90, o cliente poderá utilizar uma internet com velocidade de até 6 MB em smartphones e notebooks, por meio de modem incluído no valor.

O aumento na velocidade foi possibilitado através de uma atualização na rede da operadora, que agora passa a ser compatível com a tecnologia HSPA+, também conhecida como 3,5G. Clientes do Speedy têm desconto de 50% e pagam R$ 99,50. Os planos 3G Plus contam com uma franquia de dados de 10 GB por mês, e a velocidade de acesso é reduzida para 256 kbps uma vez que esse limite for atingido.

A Vivo promete ainda que a oferta de pacotes de internet 3G mais veloz deve ser estendida em breve para o restante do Estado de São Paulo, chegando logo depois a outras unidades da federação. A operadora, porém, não informou um prazo para implementação da novidade.

autor: Felipe Demartini

É uma cilada, Bino!!! Mais um "engana trouxa" dessas empresas de telefonia que aqui abundam. Que adianta ter 6 MB de velocidade se a franquia é de 10 GB por mês? E esse preço de 199,00... É por ano??? Ou já estão incluindo o notebook na "promoção"??

16 de nov de 2011

Notebooks 2012 da Lenovo

Lenovo apresenta notebooks da linha 2012:
Apostando em maior autonomia de bateria, empresa assume Android como sistema operacional para seus portáteis.

A Lenovo está chegando com novos notebooks excelentes para quem procura desempenho para suas tarefas - pelo menos é o que mostra o roadmap da empresa, que vazou nos últimos dias. Segundo o documento, em 2012 devem surgir modelos do ThinkPad Ultrabook de 13 e 14 polegadas, todos equipados com os processadores Intel Ivy Bridge (próxima geração da fabricante de processadores).

Especula-se que os dois modelos devem chegar ao mercado entre os meses de maio e julho de 2012, assim como o ThinkPad X1 Hybrid, que apresenta um novo conceito para a informática. Além de oferecer o sistema operacional Windows, o notebook também traz uma versão do Android alterada para computadores.

Com isso, a Lenovo aposta em um dual boot para todos os tipos de utilização. Enquanto os usuários precisarem de performance e aplicativos mais profissionais, o Windows é a melhor ferramenta. Já para atividades mais simples (como navegação e mídia), o Android estará disponível. Dessa maneira, há ainda a vantagem de a bateria ter a autonomia dobrada e, segundo a Lenovo, inicialização instantânea.

autor: Renan Hamann

40 Anos de Processadores

Intel comemora 40 anos de produção de processadores
Lançamento comercial do primeiro chip da Intel ocorreu em 1971. O que mudou nestes 40 anos?

Você sabe o que aconteceu no dia 15 de novembro de 1971? Além de o Brasil estar comemorando a proclamação da República, outro fato muito importante foi o início da produção comercial de microprocessadores da Intel - a evolução dos circuitos integrados que permitiu o avanço exponencial da computação pessoal.

Segundo a Intel publicou em nota oficial, o primeiro processador a ser vendido foi o Intel 4004 (que tinha o clock máximo de 740 kHz e ocupava soquetes de 16 pinos). E é com ele que a empresa iniciou sua saga que a levou até onde está hoje: a liderança mundial do ramo dos processadores desktop.

Os atuais Sandy Bridge conseguem atingir processamento até 350 mil vezes mais rápido, com transistores que consomem até 5 mil vezes menos energia elétrica. Outro fator que mudou bastante foi o preço: cerca de 50 mil vezes mais barato atualmente (levando em consideração os efeitos da inflação). Como você pode ver, muita coisa mudou. E o que esperar para os próximos 40 anos? Só o tempo poderá dizer.

Autor: Renan Hamann

Realmente é uma evolução espantosa. Não dá imaginar o mundo sem a informática.

10 de nov de 2011

Nvidia Tegra 3

NVIDIA revela tudo sobre o processador Tegra 3 quad-core:
Novos chips prometem 5 vezes mais poder de processamento e muito mais economia de energia.

Parece que a era dos processadores ARM não vai acabar tão cedo. Depois da geração dos processadores portáteis dual-core conseguirem resultados impressionantes, a NVIDIA foi a público para dizer que ainda havia muito a ser feito. Agora, o chip Tegra 3 (também conhecido como Kal-El) foi finalmente revelado pela fabricante.

O Tegra 3 possui nada menos do que quatro núcleos Cortex A9 para processamento comum e mais 12 núcleos para processamento gráfico. Isso significa um aumento de 5 vezes no desempenho de tarefas e 3 vezes na qualidade de imagens, vídeos e jogos. Há ainda um outro núcleo mais modesto, responsável por manter o funcionamento dos aparelhos em momentos de stand by e modos que exijam pouco processamento.

Outra questão muito importante é o consumo de bateria. Mesmo oferecendo muito mais poder de processamento, o Tegra 3 demanda 61% a menos de energia do que o Tegra 2. Isso deve garantir até 12 horas de reprodução de vídeo (em 720p), dependendo do dispositivo que esteja sendo utilizado.

Segundo a NVIDIA, o novo processador pode reproduzir vídeos em Full HD (1080p) em taxas de até 40 Mbps. Junto com o anúncio do Tegra 3, a NVIDIA já informou qual será o primeiro tablet a abrigar o componente em seu hardware: a nova geração do ASUS Eee Pad Transformer Prime.

Processador digno de um gamer exigente

Várias produtoras de jogos já mostraram alguns sinais de que o Tegra 3 tem tudo para ser o processador dos gamers. Títulos consagrados vão ganhar versões especiais para os portáteis, todas contando com um toque especial da tecnologia NVIDIA PhysX. Confira dois vídeos que mostram os avanços gráficos da nova geração de processadores.

NVIDIA Tegra 3 Kal-El
* Clock do núcleo de baixo consumo: 500 MHz;
* Clock dos núcleos principais: 1,4 GHz;
* Clock dos núcleos principais em modo dual-core ou quad-core: 1,3 GHz;
* Largura de banda de memória: até 3 vezes maior do que a geração anterior;
* Áudio: HD Audio 7.1;
* Vídeo: qualidade Blu-ray (1080p);
* Armazenamento: de 2 a 6 vezes mais rápido;
* Bateria: até 12 horas de reprodução de vídeo.

Confira um vídeo comparativo:


autor: Renan Hamann

Radeon HD 7900 Chegando

AMD Radeon HD 7900 chega em janeiro:
Produto é aguardado desde setembro, mas novas informações apontam para lançamento somente em 2012.

As novas placas AMD Radeon HD 7900 devem chegar às lojas no mês de janeiro, segundo informação do site Fudzilla. As novas placas gráficas para desktops baseadas na arquitetura 28 nm estavam previstas para setembro, mas a expectativa de um lançamento ainda em 2011 não se confirmou.

A nova série de placas virá em versões PRO e XT. A líder da série é a Radeon HD 7970, batizada de Tahiti XT, e a opção secundária é a Radeon HD 7950, que terá como codinome Tahiti PRO. A expectativa é que as duas novas placas superem de maneira considerável o desempenho da atual Radeon HD 6970.

autor: Wikerson Landim

3 de nov de 2011

Tablets Falsificados

Tablets falsificados invadem as festas de fim de ano:
Para não chorar depois, é bom ficar esperto na hora de comprar seu iPad ou tablet com Android. Versões falsificadas invadiram o mercado e podem acabar com o seu Natal.

Em pesquisa divulgada pela empresa de proteção de marcas MarkMonitor, percebe-se que o mercado de tablets é um dos mais visados pela pirataria neste final de ano. De acordo com o relatório publicado recentemente, a companhia disse ter encontrado mais de 23 mil ofertas, em um único dia, de tablets falsificados ou que fazem uso indevido de marcas famosas.

Trinta e nove porcento desses tablets são considerados clones, isto é, produtos que não apresentam marcas ou logos, mas que se assemelham aos dispositivos oficiais lançados pela Apple ou Samsung, por exemplo. Além disso, nas mesmas 24 horas, a empresa também identificou mais de 8 mil vendedores não autorizados, sendo que 51% deles vendiam clones de tablets famosos.

Quanto à fabricação desses equipamentos, o relatório indica que eles são produzidos por pelo menos 15 fabricantes diferentes e que cerca de 75% desses clones são de origem asiática. Portanto, vale a pena ficar atento ao comprar o seu presente de Natal.

Tenha cuidado com produtos baratos demais ou sendo vendidos em regiões conhecidas pela abundância de mercadoria chinesa, como a Santa Efigênia, em São Paulo. Como dizem por aí, "quando a esmola é demais, o santo desconfia".

autor: Felipe Arruda

Santa Efigênia, a padroeira dos pirateiros.

1 de nov de 2011

Chrome Cresce na América do Sul

Google Chrome é líder entre navegadores na América do Sul:
Programa ultrapassou o Internet Explorer em outubro. Brasil ainda prefere o serviço da Microsoft.

Sensação nas pesquisas de audiência desde o lançamento, em 2008, o Google Chrome adicionou mais um título para sua galeria de troféus: o navegador agora é o mais utilizado na América do Sul, segundo os dados recém-divulgados pelo StatCounter, um dos mais reconhecidos índices de pesquisa entre browsers.

O Chrome aparece com 39%, contra 37% do ex-primeiro colocado, o Internet Explorer. Já o Firefox continua amargando a terceira colocação, com 22%. O curioso é que o público brasileiro, mesmo pertencendo ao maior país do continente, ainda não abraçou totalmente o navegador da Google. Por aqui, o Chrome ainda tem 35,5% de preferência do público, contra 40% do browser da Microsoft. A previsão, entretanto, é de que a ultrapassagem ocorra já nos próximos meses.

O panorama mundial é ainda mais diferente: o Internet Explorer continua soberano, com 40%, enquanto o Firefox (26%) e o Chrome (25%) brigam pela medalha de prata. Os outros navegadores na disputa ainda estão longe: o Safari conta com quase 6% da população virtual, enquanto o Opera é utilizado por pouco mais de 1%.

autor: Nilton Kleina