14 de fev de 2011

Celulares Clandestinos no Brasil

Celulares clandestinos chegam a 20% do total no país:
Cerca de 20% das 202,9 milhões de linhas de celulares no Brasil usam aparelhos sem ceritificação da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). Estes aparelhos clandestinos vem da China e são vendidos no comércio popular por preços bem abaixo do mercado. As informações são do jornal Folha de S.Paulo.

Estes celulares clandestinos saem das cidades de Shanghai e Shenzhein e seguem de Navio para o porto de Santos e Suriname. Já os que saem da cidade de Guangdong chegam ao Brasil de avião. Além disso, ainda há os celulares que entram pela fronteira do Paraguai.

Somente em São Paulo e Rio de Janeiro, o índice de aparelhos clandestinos chega a 40% dos clientes pré-pagos, o que representa aos fabricantes uma perda anual de R$ 1 bilhão.

O aumento dos aparelhos no mercado é explicado por especialistas devido ao momento favorável que a economia no país vive. Além disso, as operadoras não vendem celulares com dois chips simultâneos ou antenas de TV. O valor também varia bastante, como por exemplo o iPhone 4, que custa R$ 1.799, já o falso pode ser adquirido por apenas R$ 380.

Graças ao aumento dos telefones clandestinos, o Ministério Público Federal de Guarulhos prepara uma ação civil para obrigar as operadoras a desligar os chips nestes aparelhos, mas aqueles adquiridos no exterior e com o certificado ficariam de fora desta obrigação.

fonte: click21

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado, sugestão ou opinião. Mas não toleramos ofensas, abusos ou spam. Todos os comentários são de inteira responsabilidade do autor. Obrigado.