18 de nov de 2010

Internet Ganha de 3D

TVs com serviços de internet são mais desejadas que 3D, nos EUA:
Estudo da Motorola mostra como novas tecnologias e redes sociais afetam o hábito de ver vídeos dos norte-americanos;

O Motorola Mobilitys Global 2010 Media Engagement Barometer foi divulgado nesta quarta-feira (17), e ouviu 7,5 mil pessoas em 13 países para avaliar o hábito de consumo em relação aos vídeos, considerando as novas tecnologias e redes sociais.

Entre os mil entrevistados nos Estados Unidos com idades entre 16 e 65 anos, os principais resultados mostram que os americanos são os que mais assistem alguma espécie de vídeo no mundo, em média 21 horas por semana. Os serviços pagos de TVs são usados por 86% e 6% optam pelos vídeos ou serviços de TV conectados pela internet.

As TVs com conexão à internet estão à frente dos aparelhos com tecnologia 3D, respectivamente 20% e 4%. Na intenção de compra para os próximos 18 meses os aparelhos 3D também ficam atrás, 11% contra 15% de equipamentos que podem ser ligados à web.

Outro aspecto abordado é como os espectadores se relacionam com as novas tecnologias.Cerca de 32% usam chats, e-mail e redes sociais para "conversar" sobre os conteúdos dos vídeos, sendo que 46% fazem isso no mesmo momento que assiste.

A integração da TV com a tecnologia também é um ponto de atração, 13% pagariam a mais nos serviços de TV se pudessem integrar recursos de rede sociais e chats na mesma tela. O caminho inverso, ter TV na tela do computador, seria aceito por 15% mesmo que pagando a mais por isso. E finalmente 37% dos entrevistados nos EUA trocariam a operadora atual de TV paga, por uma outra empresa que além desses serviços oferecesse acesso às redes sociais, e-mail e chats.

fonte: olhar digital

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado, sugestão ou opinião. Mas não toleramos ofensas, abusos ou spam. Todos os comentários são de inteira responsabilidade do autor. Obrigado.