24 de jul de 2010

Kin Fracassa

Retirado das prateleiras dois meses após o seu lançamento, Kin gera prejuízo de U$$ 240 milhões para a Microsoft:



Prejuízo com o modelo não considerou os custos de desenvolvimento do aparelho, que vendeu cerca de 9,7 mil unidades.

Nesta quinta-feira, 22/04, a Microsoft divulgou o balanço financeiro do quarto trimestre de 2010. Embora a companhia tenha registrado lucro de 4,52 bilhões de dólares, os smartphones Kin, voltados para redes sociais e retirados das prateleiras dois meses após o seu lançamento, geraram um prejuízo de 240 milhões de dólares.

O prejuízo como o modelo, que teve uma campanha de marketing comparada com os outros grandes lançamentos da empresa, não levou em conta os custos de desenvolvimento do aparelho, que vendeu cerca de 9,7 mil unidades e pode ser considerado um dos maiores fiascos da companhia.

Para os poucos que compraram um KIN One ou KIN Two, a novidade é uma atualização do firmware que inclui pequenas melhorias no software e integração de seguidos no Twitter à lista de contatos do smartphone.

fonte: olhar digital

Isso prova que a M$ não é incopetente apenas no desenvolvimento de softwares. É ruim em hardwares também.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recado, sugestão ou opinião. Mas não toleramos ofensas, abusos ou spam. Todos os comentários são de inteira responsabilidade do autor. Obrigado.